ALTERAÇÃO DO ENDEREÇO

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

-"Ilusão"

ILUSÃO (no sentido ingênuo de ver as coisas)

Autor : Júlio Teixeira

Os símbolos que pelos cinco sentidos desenvolvidos penetram em nosso interior, só aparentemente diferem por causa da ilusão das cores, das formas e do gênero... Em essência, seja de qual natureza for não guardam qualquer diferença. Desde o mais sutil perfume percebido pelo olfato à mais dura e áspera rocha percebida pelo tato, corre a mesma energia que anima e transmite a informação.

( o texto continua em http://rosadosventos2.blogspot.com )

4 comentários:

jorge vicente disse...

fantástico post, caro júlio.

um grande abraço
jorge

Julio Teixeira disse...

Obrigadão caro Jorge!
De coração e com muito respeito.

Arnaldo Norton disse...

É uma teoria interessante porque me parece oscilar entre deísmo e gnosticismo.
É um tema que tem "pano para mangas".
Um abraço.

Julio Teixeira disse...

Realmente há uma linha entre o sim e o não...
No fundo tudo é sim e não, tudo e nada.
Obrigado Norton