ALTERAÇÃO DO ENDEREÇO

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

-"O atual pioneirismo português "

Nesta época de crise, em que é necessário acordar a audácia e a coragem típica dos portugueses, é indispensável que eles saibam quem são e do que foram e são capazes.
Por isso, divulgo um texto que circula na internet, da autoria de Nicolau Santos, diretor-adjunto do jornal “Expresso”, publicado na revista “Exportar”.

Eu conheço um país que

- tem uma das mais baixas taxas de mortalidade mundial de recém-nascidos, melhor que a média da EU;
- tem a sede de uma empresa que é líder mundial de tecnologia de transformadores;
- é líder mundial na produção de feltros para chapéus;
- tem uma empresa que inventa jogos para telemóveis e os vende no exterior para dezenas de mercados;

- tem uma empresa que concebeu um sistema pelo qual você pode escolher, no seu telemóvel, a sala de cinema onde quer ir, o filme que quer ver e a cadeira onde se quer sentar;
- tem uma empresa que inventou um sistema biométrico de pagamento nas bombas de gasolina;
- tem uma empresa que inventou uma bilha de gás muito leve que já ganhou prémios internacionais;
- tem um dos melhores sistemas de Multibanco a nível mundial, permitindo operações inexistentes na Alemanha, Inglaterra ou Estados Unidos;
- revolucionou o sistema financeiro e tem três Bancos nos cinco primeiros da Europa;
- está muito avançado na investigação e produção de energia através das ondas do mar e do vento;
- tem uma empresa que analisa o ADN de plantas e animais e envia os resultados para toda a EU;
- desenvolveu sistemas de gestão inovadores de clientes e de stocks, dirigidos às PMES;
- tem diversas empresas a trabalhar para a NASA e a Agência Espacial Europeia;
- desenvolveu um sistema muito cómodo de passar nas portagens das auto-estradas;
- inventou e produz um medicamento anti-epiléptico para o mercado mundial;
- é líder mundial na produção de rolhas de cortiça;
- produz dos melhores vinhos, distinguidos em vários certames mundiais;
- inventou e desenvolveu o melhor sistema mundial de pagamento de pré-pagos para telemóveis;
- construiu um conjunto de projectos hoteleiros de excelente qualidade pelo Mundo;

Os internautas Luís Pirão e José Lopes acrescentaram à lista o seguinte:
- é o segundo em internet de banda larga na Europa.
- desenvolveu e aperfeiçoou um sistema que permite quantificar as refeições e tipo que são vendidas em cada e todos os estabelecimentos duma cadeia mundial de “fast food”.
- produz sapatos de primeira qualidade reconhecida mundialmente.
- produz adereços utilizados pela indústria cinematográfica de Hollywood.
- criou a única palete de cores para leitura de daltónicos.
- produz os fatos usados na Fórmula 1 e pelos astronautas da NASA.
- produz o melhor software de GPS do mundo.
- faz os melhores lasers do mundo, utilizados na medicina e na indústria aeroespacial.
- tem um monumento que tem 6 orgãos, sendo o único no mundo (Convento de Mafra).
- tem uma história ímpar que ligou todos os continentes comercialmente, pela primeira vez na história da humanidade, no século XVI.


Se não fosse a introdução do texto os leitores, possivelmente, não reconheceriam o país a que ele se refere!

Pois, o país é PORTUGAL ! …Tudo o que leu acima foi feito por empresas fundadas por portugueses, desenvolvidas por portugueses, dirigidas por portugueses, com sede em Portugal, que funcionam com técnicos e trabalhadores portugueses.
É mais do que tempo que a nova geração de portugueses, na sua maioria desenraizada, reconheça que muitas das comodidades de que disfrutam são de origem portuguesa e que se torne conscientes das suas capacidades.

Segue-se uma relação de parte das empresas relacionadas com o texto:

Efacec, Fepsa, Ydreams, Mobycomp, GALP, SIBS, BPI, BCP, Totta, BES, CGD, Stab Vida, Altitude Software, Out Systems, WeDo, Quinta do Monte d'Oiro, Brisa Space Services, Bial, Activespace Technologies, Deimos Engenharia, Lusospace, Skysoft, Portugal Telecom
Inovação, Grupos Vila Galé, Amorim, Pestana, Porto Bay e BES Turismo.

Há ainda grandes empresas multinacionais instalada no País, mas dirigidas por portugueses, com técnicos portugueses, de reconhecido sucesso junto das casas mãe,como a Siemens Portugal, Bosch, Vulcano, Alcatel, BP Portugal, Mc Donalds.etc.


3 comentários:

ana p roque disse...

Se calhar por isso é que somos tão explorados,todo o produto Biológico é mais caro,(ou seja neste caso,biologico=genuino)temos os ordenados mais baixos da europa e pagamos tudo mais caro do que o resto da europa,temos o pior serviço de apoio ao cliente em telecomunicações na europa.
Somos um pais com uma grande percentagem de analfabetismo e mesmo assim,conseguimos ser os europeus que mais utilizamos o multibanco,o telemovel,o cartão de crédito,que mais pagamos nas autoestradas,pior serviço hospitalar e médico também,os mais vaidosos da europa para não chamar outra coisa,os que mais compram produtos de marca,etc.Era um nunca acabar de enumerar o que há de pior em comparação com os outros paises europeus,temos bons lideres,boas empresas,bons cientistas,bons técnicos, e temos o pais que todos conhecemos.

Abraço

Arnaldo Norton disse...

Acho o seu comentário muito amargurado.Eu não quis dizer que somos os melhores do Mundo !...
Temos bons empresários, temos bons executivos, temos bons cientista,temos bons técnicos, temos bons trabalhadores ...
Porém, há uma coisa que não temos e que é essencial para que todas estas forças originem uma resultante que impulsione o país: políticos !
Parece que, na sua maioria,só vai para a política quem não sabe fazer mais nada.
Segundo um cálculo feito por um jornalista, 96% dos políticos portugueses não teem qualquer experiência profissional; mas, depois de passarem pelo governo ou pelas suas franjas,
entregam-lhes instituições, muitas delas,de importância vital para o desenvolvimento.
Vê na lista alguma empresa pública ?...E as privadas onde eles estão, se não faliram é por que só os deixam ser figuras decorativas.
Mas somos nós que os elegemos !...
Se a maioria votasse em branco todos eles iriam para onde devem estar.
A culpa, na realidade, nem é deles; enquanto os portugueses não aprenderem o que é a polìtica e deixarem de a vêr como um Porto-Benfica, isto nunca mais endireitará.
Desculpe este prolongado desabafo.
Um abraço.

ana p roque disse...

Não é um comentário amargurado,é realista,no mais concordo consigo em quase tudo.Há muitos anos que voto em branco.

Um abraço.